Alguns cuidados no dia a dia fazem toda a diferença para o seu dinheiro render mais

 

Todos nós sabemos que fazer o dinheiro render até o fim do mês não é uma tarefa fácil. Você trabalha o mês inteiro, passa grande parte do tempo se dedicando ao emprego, mas o salário mesmo parece que voa. 

As contas acabam ultrapassando a renda e muitas vezes, quando nos damos conta, estamos afogados em dívidas. Essa é uma situação comum para muita gente. A boa notícia é que é possível sair dessa mudando alguns hábitos. Confira nossas dicas para fazer o seu dinheiro render mais.

 

1- Tenha controle

 

É clichê, mas é a mais pura verdade. Para fazer seu salário render mais, em primeiro lugar, você se precisa controlar. Este passo é a chave para uma vida financeira mais organizada. Faça uma planilha de gastos mensais e mantenha suas finanças em ordem. Assim, você terá noção do que está saindo do orçamento e refletirá se vale a pena gastar com esse tipo de coisa. 

 

2- Evite usar o cartão de crédito

 

O cartão de crédito é a maior causa de endividamento pelos brasileiros. Ele pode parecer inofensivo, mas, na maioria das vezes, é uma cilada pois você apenas adia o pagamento de algo que adquiriu naquele momento. Portanto, prefira pagar suas compras à vista. Dessa forma, você terá uma noção real do quanto está gastando. 

 

3- Atenção aos gastos com alimentação

 

Os gastos com alimentação representam uma grande fatia do orçamento das pessoas sem que se deem conta. Ainda mais se levarmos em consideração o cafezinho depois do almoço, os lanches no shopping e saídas com os amigos. Planeje seu dia e tente levar de casa os alimentos que consumirá. De 2 em 2 reais, você pode economizar muito!

 

4- Procure gastar menos do que recebe

 

Pode parecer óbvio, mas não é tanto assim. Estudos feitos pelo Instituto Axxus, em parceria com a Unicamp e a Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), mostram que 80% dos trabalhadores brasileiros não conseguem poupar para realizar nenhuma forma de investimento, enquanto os outros 20% aplicam em algum fundo mensalmente, ou apenas quando sobra algum dinheiro no fim do mês. Em vários casos, as pessoas gastam mais do que recebem mensalmente. Por isso, especialistas em educação financeira recomendam que se economize de 10 a 30% do seu faturamento mensal. Outra boa dica é construir um fundo de emergências. 

 

5- Defina metas financeiras

 

Todos nós temos sonhos que queremos realizar. No entanto, é preciso ter em mente que não é possível fazer tudo ao mesmo tempo. Por isso, o melhor a se fazer é definir objetivos e traçar metas. Dessa forma você mantém o foco em determinadas áreas e evita cair na tentação de deixar metade do seu salário em compras desnecessárias ou gastos diversos que podem fazer a diferença no seu orçamento.